Mais do que uma simples leitura: é informação relevante, confiável e que gera conexão!

OSB faz concerto de Dia das Crianças e ensaio aberto com arrecadação de brinquedos

O ensaio geral de domingo, dia 10, também receberá público. O ingresso é um brinquedo, que será destinado ao projeto Vinde a Mim

Na tarde do dia 12 de outubro a Orquestra Sinfônica Brasileira subirá ao palco do Teatro Riachuelo para uma grande homenagem ao Dia das Crianças.

No repertório, uma obra escolhida especialmente para os pequenos: “Pedro e o Lobo”, de Sergei Prokofiev.

A regência será do maestro Tobias Volkmann e a narração da atriz Suzana Nascimento.

Escrito em 1936, Pedro e o Lobo, composição para orquestra e narrador, é um dos trabalhos mais conhecidos e admirados de Prokofiev.

Com texto e música assinados pelo próprio, a composição narra a história de um menino, Pedro, que vive com seu avô próximo a uma floresta. Em um dia ensolarado em que tudo parecia correr bem, o jovenzinho e seus amigos animais se veem em perigo, diante de um lobo ameaçador.

O enredo é uma celebração da amizade, da coragem e do trabalho em grupo e ganha ainda mais cor e vitalidade com a música que o acompanha.

O enlace entre os sons dos instrumentos da orquestra, os personagens e a ação narrativa unifica música e texto. Cada um dos personagens da obra é associado a um instrumento ou grupo de instrumentos: Pedro é associado às cordas; o pássaro, à flauta; o gato, ao clarinete; o pato, ao oboé; o avô, ao fagote; o lobo, às trompas; os caçadores, à percussão.

No domingo que antecede o concerto, dia 10 de outubro, o ensaio geral será aberto.

O público terá acesso mediante doação de um brinquedo (novo ou usado em bom estado). Cada brinquedo doado dá direito a um ingresso, que deve ser adquirido na bilheteria do Teatro Riachuelo. A arrecadação será destinada a crianças atendidas pelo projeto Vinde a Mim.

Sobre a  Orquestra Sinfônica  Brasileira (OSB)

Fundada em 1940, a Orquestra Sinfônica Brasileira é considerada um dos conjuntos sinfônicos mais importantes do país. Em seus 81 anos de trajetória ininterrupta, a OSB já realizou mais de cinco mil concertos e é reconhecida pelo pioneirismo de suas ações, tendo sido a primeira orquestra a realizar turnês pelo Brasil e exterior, apresentações ao ar livre e projetos de formação de plateia.

Em abril de 2021, a Orquestra Sinfônica Brasileira foi registrada como patrimônio cultural imaterial da cidade do Rio de Janeiro.

Composta atualmente por mais de 70 músicos brasileiros e estrangeiros, a OSB contempla uma programação regular de concertos, apresentações especiais e ações educativas, além de um amplo projeto de responsabilidade social e democratização de acesso à cultura.

Para viabilizar suas atividades, a Fundação conta com a Lei Federal de Incentivo à Cultura, tem o Instituto Cultural Vale como mantenedor e a NTS – Nova Transportadora do Sudeste, como patrocinadora master e a Brookfield como patrocinadora, além de um conjunto de copatrocinadores e apoiadores culturais e institucionais.

Sobre  Tobias Volkmann

OSB-e-Tobias-Volkmann-foto-Marina-Andrade
OSB e Tobias Volkmann (foto Marina Andrade)

Tobias Volkmann desenvolve carreira de destaque no cenário musical brasileiro e já esteve como convidado à frente de mais de 30 orquestras na Europa, Estados Unidos e América do Sul. Foi Maestro Titular da Orquestra Sinfônica do Theatro Municipal do Rio de Janeiro e Principal Regente Convidado da Orquestra Sinfônica Nacional UFF.

Sobre Suzana Nascimento

suzana-Nascimento
Foto Suzana Nascimento

Atriz, autora, diretora, contadora de histórias. Artista multidisciplinar com 20 anos de carreira. Como atriz, fez diversos espetáculos, com destaque para dois solos de sua autoria: “Calango Deu! Os Causos da Dona Zaninha” (Premiada em festivais como FITA (Angra) e Cena Contemporânea (Brasília), com direção de Isaac Bernat, desde 2012, com passagem por mais de 50 cidades brasileiras) e “Em nome da Mãe”, que estreou on-line em 2021, com direção de Miwa Yanagizawa.

 

Orquestra Sinfônica Brasileira

Tobias Volkmann, regência

Suzana Nascimento, narração

PROGRAMA:

Sergei Prokofiev – “Pedro e o Lobo”

SERVIÇO:

Orquestra Sinfônica Brasileira – Dia das Crianças

Dia 12/10 (Terça-feira), às 17h

Local: Teatro Riachuelo (Rua do Passeio, 38/40 – Centro – Rio de Janeiro)

Ingressos:

Plateia Vip – R$ 80,00 | R$ 40,00 meia

Plateia e balcão nobre – R$ 70,00 | R$ 35,00 meia

Balcão simples – R$ 50,00 | R$ 25,00 meia

(crianças até 3 anos não pagam)

Ingressos á venda na bilheteria do teatro e no site Sympla

Capacidade: 430 pessoas

Classificação etária: Livre

Ensaio Geral Aberto ao público – Dia 10 de outubro (domingo), às 11h

Ingresso: Um brinquedo novo ou usado em bom estado

(O brinquedo deverá ser trocado por um ingresso na bilheteria do Teatro Riachuelo)

A bilheteria do Teatro Riachuelo funciona de segunda a sábado das 12h às 20h e domingo das 12h às 19h.

 

 

Comentários estão fechados.