3 dicas para transformar a reprovação em aprovação em 2020

Especialista em preparação para concursos públicos dá dicas de como usar as reprovações a seu favor

0
69
aprovação-reprovação

Reprovei! E agora? A notícia da reprovação é uma realidade que precisa ser encarada pela maioria dos concurseiros antes da tão sonhada aprovação. Digo a maioria porque aqueles que passam “de primeira” no concurso dos sonhos são exceção e não a regra. A maioria dos aprovados é composta por reprovados que não desistiram, e, além disso, souberam usar a reprovação a seu favor.

É normal sentir-se um pouco desanimado com a reprovação, mas a forma como você irá encará-la é que vai fazer a diferença na sua trajetória de sucesso em 2020.

Veja essas 3 dicas que vão ajudar você neste processo:

1. Faça um diagnóstico

Pegue a correção da sua prova e veja quantas questões você acertou de cada disciplina. Para exemplificar, vamos analisar um caso hipotético.

Em uma prova composta por 60 questões, sendo 20 questões de Português, 20 de Matemática, 10 de Informática e 10 de Legislação, o aluno X verificou que das 28 questões que ele acertou, 9 são de Português, 5 de Informática, 5 de Matemática e 9 de Legislação. Com isso, ele já sabe onde tem mais facilidade e qual o seu ponto “fraco”, que merece uma atenção maior.

A partir deste diagnóstico é possível também verificar os erros cometidos pelo aluno X durante a preparação, para poder aprender com eles. Suponhamos que o aluno X faltou em mais da metade das aulas de Matemática, mas frequentou todas as aulas de Legislação. O resultado do nosso caso hipotético se justifica. Com isso, ele não repete os mesmos erros na preparação e consegue aproveitar os acertos.

2. Elabore um plano realista

Com o resultado obtido na dica número 1, nosso aluno X consegue elaborar um plano de aprovação bem mais próximo da realidade dele. A partir do diagnóstico, ele troca a meta “ser aprovado em 1 ano”, por exemplo, pela meta “estudar para aumentar de 2 a 3 acertos por mês, durante um ano”.

A nova meta realista tem um ótimo efeito psicológico, pois parece muito mais fácil de ser alcançada, o que afasta aquela sensação de desânimo e de estar muito longe da aprovação.

Ao final de um ano, se essa nova meta for efetivamente alcançada, representará a pontuação que faltou para nosso aluno X ter sido aprovado na prova anterior.

3. Tenha uma atitude positiva

Encarar a reprovação como algo positivo parece falsa demagogia desta professora de Cursinho que vos escreve, mas ter uma atitude positiva diante da reprovação é o que vai determinar todo o restante da sua jornada.

Pense que na próxima prova você não será mais o candidato “novato” fazendo a prova pela primeira vez. Você já sabe o que fez de certo e errado durante a sua preparação, conhece seus pontos fortes e fracos. Você agora é aquele jogador experiente, que conhece as regras do jogo: conhece aquela temperatura ambiente típica das salas de aplicação de prova, conhece o clima tenso e todos os jargões “não abrir a prova até que o fiscal autorize”, conhece as pegadinhas da banca examinadora, sabe gerenciar melhor o tempo e a ansiedade, etc.

Ou seja, o candidato antes reprovado, na prova seguinte já é um candidato experiente e muito mais próximo de ser aprovado, desde que não desista e siga firme na preparação.

Serviço — Central de Concursos

A Central de Concursos oferece cursos preparatórios para concursos de diferentes áreas. Além das aulas 100% presenciais, disponíveis nos períodos da manhã, tarde, noite e fins de semana, a Central também oferece cursos online e material didático completo.

Mais informações: www.centraldeconcursos.com.br

Sobre a empresa

Com 30 anos de tradição, a Central de Concursos é referência nacional no segmento em que atua: cursos preparatórios para concursos públicos. É a maior empresa do país na divulgação, preparação e treinamento para aqueles que buscam ingressar na carreira pública.

Atualmente, a escola possui sete unidades espalhadas pelo estado de São Paulo: Paulista, República, Osasco, Artur Alvim, Guarulhos, Santo Amaro e ABC.

Izabela Dornelas – professora da Central de Concursos

DEIXE UM COMENTÁRIO

Digite seu comentário
Digite seu nome aqui