Últimos dias de inscrições para programa de trainee que leva vencedor para Vale do Silício - Revista Capital Econômico
Mais do que uma simples leitura: é informação relevante, confiável e que gera conexão!

Últimos dias de inscrições para programa de trainee que leva vencedor para Vale do Silício

Recém-eleita uma das PMEs mais amadas do Brasil, Pipefy está nos últimos dias de inscrições para a 3ª edição do Programa de Trainee Young Guns, que selecionará de 15 a 20 profissionais para passarem um ano no maior programa de trainee em vendas de todo o Brasil. A empresa, que ficou em 6ª posição no ranking da Love Mondays, levará o candidato que apresentar os melhores resultados para o Vale do Silício, nos Estados Unidos, onde fica outra sede da startup.

Até o dia 27 de fevereiro, a Pipefy espera receber profissionais das mais variadas áreas de atuação e de todos os cantos do Brasil e do mundo. De acordo com o Diretor de Operações da empresa, Felipe Carvalho, “o Young Guns acredita que jovens profissionais trazem consigo muita vontade de fazer acontecer e insights que melhoram as operações”.

Além dos 30 dias no Vale do Silício, a plataforma de SaaS (Software as a Service – Software como Serviço), que tem clientes como McDonald’s, Santander, Ambev e Unilever em seu portfólio, ainda garante ao vencedor a oportunidade de fazer cursos em universidades americanas e visitar outras empresas para benchmarking.

Cultura é tudo

A Pipefy está à procura de jovens curiosos, que se identificam com a cultura da empresa – pautada por valores como confiabilidade, humildade para evoluir, franqueza radical (radical candor, em inglês) e a capacidade de keep it simple, ou “ir direto ao ponto” – e que tenham vontade de gerar resultados que transformem o mundo em que vivem.

Para o vencedor da 1ª edição do Young Guns, Guilherme Bezerra, “é incrível o nível de confiança e da responsabilidade que os líderes da empresa depositaram em nós desde o começo. Com toda a certeza, um Young Gun não é apenas um número no cadastro da empresa”. Ele ainda afirma que o programa o possibilitou vivenciar a maior oportunidade pessoal e profissional de sua vida. “Trabalhar um mês no nosso escritório no Vale do Silício me preparou para os desafios posteriores que assumi e que ainda irei assumir na Pipefy”, finaliza.

Melhor colocado na 3ª edição do Young Guns, da Pipefy, passará um mês na sede da empresa nos Estados Unidos

Processo de inscrição

O Young Guns tem quatro etapas: a fase de inscrições, em que os currículos são avaliados, seguida da fase de dinâmicas de grupos e da etapa de entrevistas individuais com líderes de desenvolvimento dentro da Pipefy, que já aproxima os candidatos de times com os quais podem vir a fazer parte. A quarta e última etapa consiste no anúncio dos resultados.

Confira, abaixo, os pré-requisitos para inscrição no Young Guns:

Cursando o último ano de faculdade ou recém-formados;
Inglês fluente é um diferencial;
Vontade de fazer acontecer, de trabalhar e de fazer a diferença;
Atitude, boa vontade e humildade;
Experiências prévias de trabalho são um diferencial, mas não obrigatórias;
Afinidade com tecnologia é um diferencial, mas não é obrigatória.
Como benefícios, a Pipefy oferece plano de saúde, plano odontológico, parceria com o Gympass, vale refeição ou alimentação, auxílio financeiro para aulas de inglês, seguro de vida e vale transporte.

Serviço:

Young Guns – 4ª edição

Inscrições: www.pipefy.com/young-guns

De 28 de janeiro a 27 de fevereiro.

Sobre a Pipefy

A Pipefyé uma empresa global de SaaS (Software as a Service – ou Software como Serviço) que fornece uma plataforma de gestão e automatização de processos, relatórios, aprovações e recursos focados no gerenciamento de equipes sem depender de TI para a implementá-los. Atende empresas em todos os segmentos, em 150 países, incluindo empresas como: Santander, Volvo, Capgemini, Accenture e Localiza. Sua plataforma possui uma interface intuitiva e fácil de usar, além de modelos de processos específicos para diferentes departamentos que permitem modelar e rodar novos processos dentro de poucos minutos.

Em 2018, a startup levantou US$ 16 milhões em sua rodada de investimentos Série A, encabeçada pela OpenView Partners, firma de venture capital focada em empresas em fase de expansão, além da Trinity Ventures. A Redpoint Ventures e a Valor Capital, que já haviam investido na plataforma, também participaram da rodada. Outros investidores da companhia são a 500 Startups, o Founders Fund (do fundador do Paypal, Peter Thiel) e os fundadores da Zendesk, Morten Primdahl e Alexander Aghassipour. Os fundos estão sendo utilizados para escalar as operações da empresa à medida que a Pipefy expande suas equipes tanto em São Francisco como no Brasil.

Deixe uma resposta