Mais do que uma simples leitura: é informação relevante, confiável e que gera conexão!

Rio registra exportação maior para China, França e Uruguai de janeiro a agosto, aponta Firjan

Elaborado pela federação, boletim Rio Exporta registrou aumento de 45% nas exportações para o país asiático

O Rio Exporta, boletim de comércio exterior do estado do Rio de Janeiro, elaborado pela Firjan, registrou aumento de 45% nas exportações para China, excluindo óleos brutos e petróleo, no acumulado do ano, de janeiro a agosto. De acordo com a última edição do boletim, os embarques também avançaram para o Uruguai (+49,2%) e para a França (+1%), considerando o comércio exclusive petróleo.

“A retomada da produção na China tem ajudado com uma certa volta à normalização dos embarques de produtos para aquele país, excetuando o petróleo”, explica Giorgio Rossi, coordenador da Firjan Internacional.

Com fluxo internacional de US$ 39,4 bilhões, o Rio de Janeiro manteve a posição de segundo player do país, se comparado com todos os estados brasileiros, perdendo apenas para São Paulo. De janeiro a agosto, o estado do Rio teve um aumento de 23% na corrente de comércio (soma da importação com a exportação), em relação ao mesmo período do ano passado. Cresceu principalmente pelo maior volume de importações, US$ 23,8 bilhões, diante dos US$ 15,6 bilhões em exportações. Esse resultado representou participação de 16% do Rio no comércio exterior do país. Já o saldo comercial ficou negativo em US$ 8,2 bilhões.

O boletim mostra ainda que houve queda das exportações fluminenses de 17%, principalmente devido à redução de 7% nas saídas de produtos básicos e de 42% nas de manufaturados.

Clique aqui para acessar o boletim completo: https://www.firjan.com.br/publicacoes/publicacoes-de-economia/boletim-rio-exporta.htm#pubAlign

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.