Dólar alto beneficia jogadores de póquer no Brasil - Revista Capital Econômico
Mais do que uma simples leitura: é informação relevante, confiável e que gera conexão!

Dólar alto beneficia jogadores de póquer no Brasil

Saiba mais sobre o pôquer, o jogo que permite ganhar dinheiro nas mesas online ao redor do mundo

A economia brasileira caminha a passos cautelosos quando o assunto é moeda estrangeira.

Muitos cidadãos têm receio de fazerem transações internacionais devido às taxas e variações do mercado.

Mas do outro lado estão aqueles que recebem em dólar e adoram essa relação de quase 5:1 entre o dólar e o real.

Estamos falando dos jogadores de poquer online que descobriram no esporte uma ótima fonte de renda. Saiba mais sobre o póquer

casino

O póquer online está no Brasil há quase duas décadas. Mais do que um simples jogo de cartas, o esporte mental – confirmado pela Associação Internacional de Esportes da Mente – cresceu a nível mundial e hoje conta com inúmeros torneios presenciais e sites de jogos online que permitem aos jogadores disputarem grandes fatias de premiações em dólar.

Saiba mais sobre o póquer online nas diferentes estruturas de torneios disponíveis no site Gipsy Team.

Pode ser novidade para você, e a primeiro momento, realmente parece incomum, mas o póquer se tornou a principal fonte de renda de muitos brasileiros.

Se há décadas o jogo era visto com maus olhos, hoje o Brasil se destaca entre o topo no cenário mundial.

A desconfiança da população – devido a falta de informação – teve que ser driblada com muito profissionalismo, responsabilidade e transparência das entidades responsáveis pelo jogo presencial no Brasil.

A Confederação Brasileira de Texas Hold’em (CBTH) é quem organiza os principais torneios nacionais de póquer ao vivo.

O último aconteceu na cidade de São Paulo no WTC Sheraton, o BSOP (Brazilian Series of póquer) versão Winter Millions que terminou no último dia 20 de julho e atraiu jogadores do país inteiro.

Esse é um torneio onde toda a contabilidade, auditoria e declarações fiscais estão disponíveis para consulta do público ali mesmo, algo  muito bem visto por entidades mundiais de póquer.

Saiba mais sobre o póquer presencial e seus grandes eventos ao redor do mundo ao navegar pelas notícias do site Gipsy Team.

Se no póquer presencial é mais fácil prestar contas e as premiações têm seus impostos retidos na fonte, o mesmo não acontece com o póquer online.

Os jogadores são os únicos responsáveis por declarar seus rendimentos e podem cometer erros sem a ajuda de um contador qualificado.

Por que nos sites de póquer os ganhos são em dólar e até chegarem nas contas dos jogadores, há uma série de taxações com câmbio e transações entre carteiras, o que dificulta a contabilidade dos lucros reais.

Apesar disso, os ganhos de um jogador vencedor continuam acima da média da população brasileira, e por isso, muitos entusiastas se interessam pelo jogo.

Com dedicação e persistência, é possível obter lucros regulares até ter a confiança para se dedicar de forma integral ao jogo.

Quem consegue isso passa a ser chamado jogador profissional de póquer.

É normal que um competidor jogue entre 8 à 12  horas por dia em vários sites e torneios ao mesmo tempo.

Para que isso aconteça, é preciso começar com os passos básicos e nós encontramos um site que ensina jogadores iniciantes a começarem no póquer: o GipsyTeam. Ficou interessado? Saiba mais sobre o póquer agora mesmo.]


Nota: Este conteúdo é colaborativo e não reproduz a opinião da Revista Capital Econômico

Comentários estão fechados.